Mundos Virtuais

by

secondlife_1.jpg

Diz-se muito sobre Second Life, sobre suas inovações e possibilidades, mas… que possibilidades seriam estas? Fazer tudo o que podemos fazer na vida real, mas parados e em frente a uma tela? Quem mais têm a ganhar com esses mundos virtuais são as grandes empresas, lucrando sobre pessoas viciadas em internet que, cada vez mais, tornam-se alienadas ao mundo real (em que as pessoas se tocam, se vêem não como gostariam de ser vistas, mas como são, etc).

Alguns dizem que a idéia pode, no futuro, substituir ferramentas como o Orkut. Acho que não, pois não consigo ver praticidade neste tipo de programa, em que, além de outros empecilhos, as pessoas têm que dedicar bom tempo para montar seus avatares satisfatoriamente. O mundo caminha para a rapidez nas tarefas, e poucos têm tanto tempo para dedicar a esse tipo de atividade (além de adolescentes ociosos, que seriam o grande foco das empresas por terem potencial como consumidores).

Sim, eu testei o “jogo”. Não falo como mero observador. E eu entrei com a melhor das intenções, achando até que poderia ser divertido. O que vi e a sensação que tive foi, no mínimo, estranha. Tudo necessita de dinheiro real ou dedicação, e as recompensas não são grandes coisas: seu avatar fica mais bonitinho, você pode comprar itens “interessantes”, alugar ou comprar apartamentos, entre muitas outras. Ah, também dá pra ganhar dinheiro (os Linden dollars podem ser convertidos na sua moeda), como foi o caso da “jogadora” alemã, que ficou milionária com uma imobiliária virtual. Mas, como já disse antes, é preciso investir tempo. E eu prefiro investir o meu em coisas mais instrutivas, profissionalmente falando.

Isso tudo sem falar no antro de mentes doentias que são esses programas. Nunca se sabe quem está por trás do avatar e, mesmo que haja muito cuidado, é sempre perigoso (principalmente para o já citado público adolescente, que está em formação e é muito imaturo, na maioria dos casos). Também é um ótimo lugar para desenvolver ou mesmo fortalecer tais mentes doentias (não criar, pois essas vêm de outros problemas psicológicos, não do jogo). Eu, por curiosidade, fui para a área destinada a sexo entre usuários e o que vi foi, no mínimo… doentio. Você tem a possibilidade de escolher a forma de seu órgão reprodutor (de acordo com sua condição monetária), “fazer sexo” em diferentes posições em diferentes lugares, cercado por outdoors de fotos e produtos sexuais. Sério, que diabos é aquilo?! É praticamente um painel da insanidade digital.

screenshot-secondlife_5b4_5d.jpg

É mais ou menos o que acho da Home, o mundo virtual do Sony PlayStation 3 (previsto para o início de 2008): legal, vou poder ouvir música com os amigos, talvez assistir algumas coisas, e, por que não, fazer aquele churrascão virtual. Nem é preciso explicar por que acho isso cômico. Você considera isso saudável? Talvez, se usado moderadamente. Mas raramente as pessoas gostam desse “moderadamente”. Penso então que estas inovações só aumentariam, ainda mais, a “dependência” virtual das pessoas (além de trazer novos “dependentes”).

home11.jpg

Diante disso, o que me pergunto é: esses mundos virtuais vêm realmente para trazer interação às pessoas ou pra separá-las ainda mais? Verei a resposta com o tempo, provavelmente. Mas, sério, se há tantas pessoas que gastam o tempo de maneira realmente fútil com ferramentas “primitivas” como Orkut e MSN, o que farão com esse mundo de possibilidades (literalmente)?

 

E você, o que acha?

Tags: , , , , , , , , ,

Uma resposta to “Mundos Virtuais”

  1. Lara Says:

    Bom artigo! Estive um ano no Second Life e me arrependo até hoje, de ter usado aquele “jogo”,além de perder tempo lá estava perdendo familia,amigos e trabalho.Nao tem ferramenta melhor de se usar que a nossa Vida Real!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: